Pimentel teria recebido R$ 200 mil em propina, segundo delator

Segundo depoimento feito pelo publicitário Vitor Nicolato, Carolina Pimentel pediu à agência Nova S/B pagar 200 000 reais em propina para a campanha do marido, Fernando Pimentel, ao governo do estado em 2014.

Fernando Pimentel foi ministro do Desenvolvimento, exercendo profunda influência no BNDES, cuja conta de publicidade pertencia à Nova S/B. A agência, uma das vencedoras da licitação do Banco do Brasil, suspensa por suspeita de favorecimento a uma das concorrentes, nega veementemente o episódio. Em sua defesa, a Nova S/B diz que um funcionário seu foi procurado meses trás por Vitor Nicolato e ele ameaçou fazer essa denúncia para prejudicar a agência. De acordo com sua regra de compliance, a Nova S/B colheu o depoimento do funcionário.

Anúncios

Deixe uma resposta