Risco de que projeto de abuso de autoridade passe na CCJ do Senado é real, diz Vera Magalhães

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado vota nesta quarta-feira (26) o substitutivo ao projeto que define os crimes de abuso de autoridade.

Segundo a comentarista Vera Magalhães, os governistas e investigados na Operação Lava Jato fazem acordos para que isso se vote amanhã e não seja novamente adiado.

“Nos últimos dias teve movimentação forte nas redes sociais por parte de procuradores e senadores contrários ao projeto, que passaram a regimentar o apoio de expoentes da sociedade civil contra o texto como está redigido”, diz.

O texto que a CCJ irá votar é a quarta versão do relatório do senador Roberto Requião (PMDB-PR). Segundo Requião, a lei vale para todas as esferas do poder. Vera Magalhães, no entanto, ainda avalia se algo será ou não modificado durante a votação na CCJ.

“Dizem que Renan Calheiros, Roberto Requião e Romero Jucá estão montando uma tropa para aprovar isso na CCJ, apesar do choro da sociedade contra a medida que visa intimidar juízes e procuradores. O risco de que o projeto passe amanhã na CCJ é real”, completa Vera Magalhães.

Assista ao comentário completo:

A matéria é da Jovem Pan.

Anúncios

Um comentário sobre “Risco de que projeto de abuso de autoridade passe na CCJ do Senado é real, diz Vera Magalhães

  1. O tiro pode sair pela culatra, eles estão impacientes para aprovar esse projeto, no STF será votado mês de maio o fim do foro privilegiado, com isso eles ficam a mercê da sociedade, deu uma carteirada a gente os processa por ABUSO DE AUTORIDADE.

Deixe uma resposta