Sinal de pânico: redes sociais de Lula postam sem parar sobre Léo Pinheiro. Delação de empresário pode ser o fim da linha.

por Rafa Silva

Este Jornalivre monitorou, ao longo dos últimos dias, o ritmo e temática das postagens nas redes sociais do ex-presidente Lula, réu em mais de uma dezena de ações ligadas à Lava Jato.

Tanto no twitter quanto no facebook, o que se viu foi uma enxurrada de narrativas falsas buscando deslegitimar as recentes declarações do ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro. O empreiteiro, que se encontra detido, é responsável pela mais bombástica das delações – incluindo informações sobre a propriedade do sítio de Lula e a tentativa do ex-presidente de ocultar e eliminar provas, ainda em 2014.

50% das postagens tratam de Leo Pinheiro

Desde a divulgação da delação bomba do empreiteiro, na última quarta-feira, 19, o tema mais relevante nas redes do ex-presidente tornou-se a defesa das acusações ora apresentadas. A partir do dia 20, 6 postagens tratavam do tema, ou seja, 50% de tudo que fora postado no período. Os outros temas abordados tratavam-se de material jornalístico sobre cerceamento de defesa e desqualificação de delações (2), pesquisas eleitorais (1) e a cobertura de sua visita à Aracaju (3).

Destaca-se, dentre as postagens, a nota oficial emitida pela equipe do ex-presidente, cujo teor busca desqualificar a delação de Leo Pinheiro tendo como base a idéia de que o mesmo fora “obrigado” a incriminar o ex-presidente:

O depoimento de Léo Pinheiro, como a própria imprensa noticiou, foi feito em meio a um processo de negociação de delação premiada, que está sendo negociada com os procuradores desse caso. Também foi exigido dele que incriminasse o ex-presidente, segundo reportagem da Folha de S. Paulo. A afirmação do empresário é desprovida de provas e faz ilações sobre supostos acontecimentos de três anos atrás que jamais ocorreram. Ela foi feita por alguém que busca benefícios penais.

Assessoria de Imprensa do Instituto Lula

Municiando a militância

Segundo o especialista em redes sociais Alexandre Santos, responsável pelas redes do MBL, a sequência de postagens efetuadas pela equipe do ex-presidente “demonstram que o mesmo quer municiar a militância com um discurso simples e vitimista, de fácil absorção. Existe um claro intuito de desqualificar o delator, invalidando a delação perante seus seguidores e criando um falso clima de perseguição“.

Questionado se a estratégia terá sucesso, Alexandre foi lacônico. “Lula não possui credibilidade para validar seu discurso para além da militância mais fiel. O que faz, agora, é uma pregação para os aficcionados. O restante da população encara como chicana um discurso tão descolado da realidade.

Anúncios

6 comentários sobre “Sinal de pânico: redes sociais de Lula postam sem parar sobre Léo Pinheiro. Delação de empresário pode ser o fim da linha.

  1. Essa desgraça de partido se acha acima da lei não é mesmo ? Que falácia mais idiota. Dizer que o cara foi exigido a incriminar esse ordinário, e aí vem um partido capenga, tentando desqualificar o que foi dito. Se esse apedeuta está certo, porque desqualificar, não é ele que diz que ele não tem que se defender, e sim, quem acusa é que precisa provar? Então não estou entendendo o medo. Eu gostaria muito de ver esse tapado processar os odebrecht e o Léo pinheiro. Vamos ver se ele tem o saco roxo.

  2. Tais vendo Assis as profecias das entidades que me avisaram há um ano e meio atrás do fim de Lula e Dilma…. Pois é, estão colhendo o que plantou em duas décadas de ilícitos…… Valeu apenas os whisky, roupas, sapatos, equipamentos eletrônicos, imóveis, veículos, os prazeres mudamos tudo isso obtido por meio da corrupção e da impunidade dos órgãos de controle?

  3. Lula deve fazer uma delação antecipada antes que não sobre nada, tipo confessar…. tipo testamento vital…que tem efeito em vida…

Deixe uma resposta