Léo Pinheiro disse que Lula e Marisa queriam passar fim de ano no tríplex do Guarujá

O casal Lula/Marisa planejava passar o réveillon de 2014 no  tríplex 164-A do Edifício Solaris, que o empreiteiro Léo Pinheiro diz ter sido comprado e reformado pela OAS, como vantagens indevidas concedidas ao petista.

Léo contou que depois da primeira visita com Lula, foi feita uma segunda visita. Dessa vez Lula não foi. Estava preocupado em razão do ano de eleição. O empreiteiro foi ao local  com dona Marisa, ocasião em que ouviu um pedido de Marisa: “Nós gostaríamos de passar as festas de fim de ano aqui no apartamento. Teria condições de estar pronta?'”.

O empreiteiro fez esse relato ao juiz Sérgio Moro, que questionou em seguida se deu tempo de terminar a obra e o empreiteiro disse que sim. “Pode ficar certo que antes disso…”, disse Léo Pinheiro.

A denúncia do MPF sustenta que Lula recebeu R$ 3,7 milhões em benefício próprio – de um valor de R$ 87 milhões de corrupção – da empreiteira OAS, entre 2006 e 2012.

Anúncios

Deixe uma resposta