Léo Pinheiro lacra o caixão de Lula e confirma a Moro que apartamento era do ex-presidente

Léo Pinheiro declarou a Sérgio Moro que apartamento era de Lula. Ele falava do tríplex do Condomínio do Edifício Solaris. As informações são do Estadão.

“O sr. entende que deu a propriedade do apartamento para o presidente?”, questionou o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins.

“O apartamento era do presidente Lula. Desde o dia que me passaram para estudar os empreendimentos da Bancoop já foi me dito que era do presidente Lula e sua família e que eu não comercializasse e tratasse aquilo como propriedade do presidente”, afirmou o empreiteiro.

A denúncia do MPF sustenta que Lula recebeu R$ 3,7 milhões em benefício próprio – de um valor de R$ 87 milhões de corrupção – da empreiteira OAS, entre 2006 e 2012.

Sobre a chave do apartamento, Zanin questionou e recebeu a resposta: “Não existia a chave, porque não existia o andar feito”, afirmou.

Ele também citou VAccaci: “O João Vaccari conversou comigo, dizendo que esse apartamento, a família tinha a opção de um apartamento tipo, tinha comprado cotas e tal, mas que esse apartamento que eles tinham comprado estava liberado para eu comercializar. E foi comercializado e foi vendido. E que o triplex, eu não fizesse absolutamente nada em termo de comercialização.”

Anúncios

Um comentário sobre “Léo Pinheiro lacra o caixão de Lula e confirma a Moro que apartamento era do ex-presidente

Deixe uma resposta