Carta Capital recebeu dinheiro da Odebrecht para favorecer o PT, dizem delatores

Emilio Odebrecht reforçou à PGR que o pedido de ajuda financeira à Carta Capital foi feito a ele diretamente por Lula. À época, o petista já não era mais presidente.

Quem coordenou a arrecadação para salvar a revista foi André Esteves, confirmou o delator. Em sua delação, Marcelo Odebrecht deu a mesma informação.

Ao falar de uma doação de três milhões de reais ao negócio de Mino Carta, a PGR perguntou sobre a contrapartida da revista, se havia um compromisso de fazer reportagens favoráveis ao governo petista.

Emilio respondeu:

“Era assim: ‘Eu não quero que você esteja tolido de dar informações, mas não explorem as informações’.”

Informações contrárias, claro.

A Odebrecht ajudou financeiramente outros veículos, mas no caso da Carta Capital o pedido não era feito por representantes da revista, e sim por Lula.

Assista:

A matéria é do site O Antagonista.

Anúncios

2 comentários sobre “Carta Capital recebeu dinheiro da Odebrecht para favorecer o PT, dizem delatores

Deixe uma resposta