Depois de ficar isolado, Renan peida na farofa e lança discurso ameno contra Temer

Parece que o show de gogó de Renan Calheiros – que resolveu peitar o governo Temer para se aliar à Lula – entrou no prazo de validade, em razão de ter ficado isolado.

Nesta segunda, o senador disse, em entrevista à TV Ponta Verde, de Maceió, que “ainda não” rompeu com o presidente Michel Temer, do mesmo partido. As informações são da Jovem Pan.

“Do jeito que está, está parecendo a seleção do Dunga – e não precisamos mais do Dunga, precisamos do Tite para nos levar a um porto seguro”, declarou, referindo-se ao atual técnico do time.

Quando foi questionado se havia rompido, ele disse: “Rompimento, ainda não. O que está ficando claro são posições diferentes do PMDB e do governo. Conversei com o presidente Temer várias vezes, e ele chegou a perguntar se a agilização do julgamento da chapa Dilma-Temer do TSE iria ajudar na devolução da legitimidade. E eu disse: ‘Sinceramente, acho que não. Acho que o que vai devolver a legitimidade perdida é acertar a mão, escalar melhor, jogar para frente'”, contou.

Anúncios

Um comentário sobre “Depois de ficar isolado, Renan peida na farofa e lança discurso ameno contra Temer

Deixe uma resposta