PT teria tentado subornar Joaquim Barbosa no julgamento do mensalao com 50 milhoes de dolares

Marcos Valério continua negociando um acordo de delação premiada com a Lava Jato. Uma das histórias que pretende contar é a tentativa de subornar o então relator do mensalão no STF, Joaquim Barbosa.

Segundo o publicitário, Paulo Okamoto, escudeiro de Lula e presidente de seu instituto, teria coordenado pessoalmente a operação, que contou com um funcionário do gabinete do ministro e um advogado da cidade mineira de Paracatu.

As informações são da Veja e do site O Antagonista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s