Gleisi evoca Odorico Paraguaçu ao falar sobre a “inauguração”da transposição

Em um dos seus discursos desconexos no plenário, a senadora petista Gleisi Hoffmann disse que Temer tentou se apropriar da transposição das águas do Rio São Francisco, obra atrasada, superfaturada e com inúmeras irregularidades que o governo PT não conseguiu entregar, mas que foi concluída em poucos meses por Temer. Segundo a senadora, agora a obra “não tem paternidade nem maternidade”.

Gleisi afirmou que a “inauguração popular” contou com 50 mil pessoas que foram lá para ver Lula e Dilma. “O povo foi espontaneamente encontrar os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff em reconhecimento, pelo empreendimento”, disse a senadora, que parecia estar evocando os melhores momentos do personagem Odorico Paraguaçu, interpretado pelo Paulo Gracindo.

Porém a realidade é bem diferente. A “inauguração” a que Gleisi se refere foi na realidade um teatro de Lula, e contou com, no máximo, cinco mil pessoas, que foram transportadas pelo governador paraibano Ricardo Coutinho e com a ajuda financeira da CUT e do MST.

Anúncios

3 comentários sobre “Gleisi evoca Odorico Paraguaçu ao falar sobre a “inauguração”da transposição

  1. A federal deveria obrigar essa desgraçada, a devolver aos aposentados, cada centavo dos empréstimos consignados que ela e o marido roubaram isso sim! Ela faz parte da quadrilha que destruiu o país, por isso que ela defende tanto os chefões .

Deixe uma resposta