Esquerda tucana declara guerra a Dória; prefeito reage. Entenda tudo

 

Já não é de hoje que os setores progressistas do PSDB se irritam com a figura intrusa e desafiadora de João Dória Jr. O alcaide paulistano, quando ainda proponente à vaga de candidato, já causava mal estar na legenda por sua postura exageradamente chamativa e pró-mercado. Era visto com ressalvas, como um estranho no ninho – alguém que não fazia sentido num clube elite formado por sociólogos, economistas e “formuladores de políticas públicas”.

À época, o duelo entre Dória e Matarazzo não representava apenas o confronto entre um PSDB moderno e atento às mudanças na sociedade contra sua ala social-democrata e elitista; representava, também uma luta mortal pela renovação de quadros no partido em São Paulo, sua principal base. De um lado tínhamos José Serra, Aloysio Nunes e Fernando Henrique Cardoso. Do outro o governador Geraldo Alckmin e o habilidoso articulador político Júlio Semeghini.

A história, como sabemos, resultou em prévias fratricidas com vantagem para João Dória. O resultado surpreendeu os analistas de sempre, que davam como certa a vitória de Matarazzo. Pela primeira vez em muito tempo, os “tucanos de bico vermelho”perdiam a supremacia sobre o diretório municipal de São Paulo. Acuados, voaram em debandada para a campanha de Marta Suplicy, e alguns de seus candidatos a vereador recusaram-se a apoiar Dória. Terminaram esmagados.

Crescimento meteórico e alinhamento liberal

Durante a campanha, João Dória nunca teve medo de se apresentar como antagonista da esquerda. Mais que isso: colocava-se como candidato herdeiro das manifestações populares que levaram a cabo o governo de Dilma Rousseff. Sua página de facebook era tomada por vídeos produzidos pelo Movimento Brasil Livre; o ativista Kim Kataguiri debatia propostas em transmissões ao vivo para o Facebook e panfletava com seus colegas nas ruas e nas redes.

A proximidade de Dória com a nova direita persistiu após o início do seu mandato. Acompanhado de um crescimento meteórico, o prefeito liderou uma série de ataques ao ex-presidente Lula, que eram prontamente viralizados em suas redes e nos veículos de mídia do MBL e outros grupos menores. Firmou-se como crítico da ação perniciosa de especialistas e não teve medo de confrontar o jornalismo engajado de certos veículos de imprensa.

A tática funcionou: Dória ganhou repercussão nacional e estabeleceu-se como principal alternativa tucana para o pleito presidencial de 2018, conforme atesta o Paraná Pesquisas.

Velho tucanato reage

Atônitos diante da blitzkrieg midiática de Dória, os representantes da esquerda tucana permaneceram calados e distantes durante os 30 primeiros dias de mandato. Precisou, porém, que as aventuras do alcaide vestido de lixeiro se tornassem rotineiras para que os primeiros sinais de insatisfação viessem ao ar.

O primeiro a se manifestar foi Alberto Goldman, ex-governador de São Paulo. Para ele, “Dória não tem o perfil da história política do PSDB”- fato constatado também por seus eleitores. Bastou que a matéria fosse publicada pela Época para que o viés de confirmação positiva de Dória como “outsider”no partido se cristalizasse perante os seguidores. As declarações de Goldman foram celebradas nas redes sociais como sinal de independência. Mais uma vitória para o prefeito.

Vídeos com direita e pré-campanha do MBL

Dória firmou-se como o segundo político mais popular do mundo em redes sociais, atrás apenas do presidente americano Donald Trump. Seu facebook, sozinho, fala para mais de 7 milhões de pessoas todos os dias – números espantosos para um prefeito recém-eleito. É uma plataforma suficientemente robusta para que o prefeito possa rebater, com certa tranquilidade, os constantes ataques da grande mídia.

Disposto a turbinar seu aparato de comunicação, Dória lançou um programa de entrevistas, feitas através de livestream para o facebook, onde conversa com influencers digitais da nova direita, como o historiador Marco Antonio Villa, o comediante Carioca (Pânico) os roqueiros Lobão e Roger (Ultraje a Rigor).

Paralelamente, o MBL – que já defendia o prefeito em redes sociais – deu um passo adiante em sua ação política e admitiu publicamente que pretende eleger João Dória presidente da República em 2018.  A espontaneidade da declaração possui certo elemento estratégico: o MBL parece influenciar o avanço de quadros liberais dentro da estrutura partidária do PSDB, a ponto de ter eleito 4 vereadores pelo partido, possuir um deputado federal (Paulo Eduardo Martins) e forte parceria com o prefeito de Porto Alegre (Nelson Marchezan Jr.), também liberal.

FHC se movimenta; Dória reage 

Na manhã da última sexta feira (24), o grão tucano Fernando Henrique Cardoso saiu do ninho e lançou mão de sua primeira alfinetada. Afirmou que Alckmin, aliado de Dória, é o tucano mais bem posicionado para concorrer a presidente, e cutucou o o mote do prefeito. “Se você for um gestor, não vai inspirar nada. Tem que ser líder” afirmou.

O ataque revela a sutileza da ação política de FHC. Ao mesmo tempo que diminui Dória, o coloca em oposição contra seu principal aliado, que de forma trôpega tenta se firmar como candidato a presidente. A tática faz parte de uma possível estratégia de fortalecimento da ala esquerdista do PSDB, que deseja a todo custo recuperar o Palácio dos Bandeirantes em uma eventual aliança com Geraldo.

Dória foi rápido na resposta.”Respeito muito o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, mas eu só lembro que ele previu que eu não seria eleito nas prévias para ser candidato pelo PSDB. Apoiou outro candidato, o que não muda minha admiração. Ele mesmo já confessou que, quando comecei campanha para prefeito de SP, acreditava que eu não seria eleito. Venci as duas. Os dois primeiros prognósticos do FHC ele errou”, disse o prefeito logo após as movimentações do ex-presidente.

Xadrez político no PSDB se intensifica

O cenário político dentro do PSDB para os próximos meses é por demais complexo. Após brilhar nas eleições municipais de 2016, o partido encontra-se refém de um governo federal impopular, ao mesmo tempo que assiste seus nomes mais tradicionais derreterem nas delações da Lava-Jato. Além disso, passa a ser vítima de um assédio ideológico por parte da nova direita – em especial do MBL – que fala diretamente para seu eleitorado.

A ascensão de Dória como grande nome para 2018 é também a ascensão de uma difusa e midiática direita liberal dentro do partido. As transformações que pode acarretar – temidas por FHC em artigo no final do passado – podem redefinir o papel da legenda para os próximos anos. Num país cada vez mais polarizado, um novo PSDB, reorientado ideologicamente, não teria mais espaço para figuras oriundas do movimento revolucionário dos anos 60 ou das cátedras de sociologia da Sorbonne.

Pode ser o fim do partido da social democracia brasileira como conhecemos. E isso não parece ser uma má notícia.

 

 

 

 

Anúncios

71 comentários sobre “Esquerda tucana declara guerra a Dória; prefeito reage. Entenda tudo

  1. Só uma correção, PSDB=esquerda, logo Dória é de esquerda mais ao centro, ainda sim acho que ele não tem pulso firme em varias áreas principalmente segurança.

    1. A política de repressão as pichacoes me parece a mais ousada campanha de segurança pública municipal. Além das políticas de combate às drogas e apoio aos moradores de rua.
      Menos drogas, menos apologia à criminalidade e respeito ao ser humano sempre serão a melhor forma de combater o crime.

    2. Realmente, o cara pega uma cidade com 76 câmera, pretende instalar 11mil e o cidadao poderá acompanhar no conforto do lar. Mas ainda sim, o cara não manja de segurança. Imagina se manjasse (3 meses de governo)…!

    3. como vc fala q ele nao tem pulso forte, em termos de seguranca, se ele como prefeito, nao tem NENHUMA açao sobre este assunto??? Sinceramente, rindo muito aqui com seu comentario, impressionante, as pessoas qdo nao tem nada para falar, inventam… kkk

      1. Cidadania é o caminho mais curto para a segurança. Assim como educação, civismo.
        Os velhos abutres criaram um monstro. ( No bom sentido)
        Admiro o FHC, mas essa mania dele de escolher candidatos fez com que os Petistas governasse mas por longos anos.
        Políticos como Alckmin e Aécio, estão em final de carreira. Se disputarem eleições Presidenciais, vão ajudar a eleger o Bolsonaro.

      2. Pergunte ao invasor Boulos se o prefeito João Doria tem pulso firme na segurança.
        O invasor saiu rapidinho da rua Augusta depois que o prefeito disse ao historiador Marco Antônio Villa na Jovem Pan, que naquela semana os invasores sairiam dali.
        Não deu outra. Saíram!!!

      3. Parece que não sabe interpretar um comentário, a matéria é sobre 2018, “presidência”. “Dória ganhou repercussão nacional e estabeleceu-se como principal alternativa tucana para o pleito presidencial de 2018”. Encarar grafiteiro é fácil, quero ver encarar o crime organizado, Dória é social democrata ele mesmo falou isso, http://kdfrases.com/frase/166794

      4. Parece que não sabe interpretar um comentário, a matéria é sobre 2018, “presidência”. “Dória ganhou repercussão nacional e estabeleceu-se como principal alternativa tucana para o pleito presidencial de 2018”. Encarar grafiteiro é fácil, quero ver encarar o crime organizado, Dória é social democrata ele mesmo falou isso, http://kdfrases.com/frase/166794

    4. Estou com o Dória, em todo esse tempo nunca vi um político trabalhar de verdade, é por isso que todos os outros estao mordidinhos. Dória veio para mostrar que o Brasil tem chance e que só não conseguimos até agora por que sempre elegemos políticos corruptos que pensam em si antes de mais nada. Em poucos meses de mamdato já fez o que não fizeram em 4 anos!!!! E sem roubar. É por isso que ele ficou conhecido e não por publicar atos contra o Lula.

    5. Roberto,
      Primeira correção:
      PSDB não é esquerda… é centro-esquerda.
      Segunda correção:
      Dória não é nunca centro esquerda… e sim uma ala nova, dentro de um PSDB rachado, de centro-direita. (Ate porque qualquer esquerda liberal não existe!!)
      Terceira correção:
      Prefeitura tem quase nenhuma influencia sobre segurança pública. Ele vem tentando abraçar algums pontos e tentando consertar alguns problemas mas segurança pública é sempre política estadual.
      E isso porque seu comentário tinha apenas 4 linhas….

    6. Quanto a questão de segurança só há como saber se o governante tem o pulso firme se o mesmo tiver a caneta na mão. E por enquanto essa caneta, constitucionalmente, não cabe a prefeito nenhum. Pois segurança pública é atribuição do Estado e de não de Municípios.

    7. Quanto a questão de segurança só há como saber se o governante tem o pulso firme se o mesmo tiver a caneta na mão. E por enquanto essa caneta, constitucionalmente, não cabe a prefeito nenhum. Pois segurança pública é atribuição do Estado e não de Municípios.

  2. Ele é o prefeito que mais atuou de forma verdadeira desde que SP foi fundada, se Dória é contra a corrupção, as manipulações da vida política suja, trabalha de verdade e é honesto, logo ele é contra imensa maioria da esquerda e logo ele não pode ser comunista….só para ninguém esquecer, o prefeito ficará 4 anos e não 2 ou 3 meses, ninguém consegue revolucionar uma megalópole em poucos dias, estando num país de terceiro mundo com tanta coisa imunda…

  3. FHC, por quem tenho uma profunda admiração, infelizmente, já está senil e falando bobagem, já passou da hora de vestir o pijama da irrelevância. “Você tem que ser um líder e não um gestor…”. Conversinha de sociólogo desconectado da realidade atual. Lula, foi e ainda é um grande líder, do mal mas é, vejam no que deu. Do outro lado, Donald Trump não tem qualquer perfil de Liderança e é o Presidente dos EUA. Para de falar merda FHC, seu tempo já foi.

  4. O fHC é um velho gaga que feveria se recolher em seu apto de Higienopolis. Foi um grande presidente sim, principalmente em seu primeiro
    mandato, mas falando as MERDAS que esta falando vai acabar com seu passado e inviabilizar qq apoio, tal as porcarias que fala. A esquerda revolucionaria do PSDB nao tem carisma e espaço no momento nacional, ou estes caras se aposentam ou acabarao com o q resta do partido. O MBL respode hj aos anseios da populacao e eels devem conduzir a mudança dentro do PSDB.

  5. Sou PSDB desde jovem, políticos como FHC, Serra e outros já contribuíram com o que tinha de contribuir. Uma mudança é preciso, já está na hora de muitos se aposentar da vida política e deixar o novo renovar. Estamos em novos tempos isso requer mudanças e que elas sejam pra melhor.

  6. Perfeito! Ou o PSDB se enquadra na nova direita liberal ou simplesmente a nova direita liberal desenquadra o PSDB. Já estamos perdendo a paciência com esse partido, está por um fio!

    1. Digo porque ouvi da boca do Dória “sou social democrata”, então nao digam que ele é de direita, se fosse seria incoerente porque ele prioriza na sua gestão o SOCIAL e não o mercado

      1. Mais aí que esta o posicionamento de Dória Shelton, ele usa muito bem o mercado para suprimir os problemas sociais…

  7. Este sr. Sociólogo que pensa entre parenteses , no bem dá sociedade brasileira, não engoliu a eleição vitoriosa de Dória, e como os demais políticos ,está se sentindo ameaçado com uma administração tão eficaz e humanizada que este prefeito está tentando empreender , apesar das condições contrarias encontradas na prefeitura ,herança dá falida administração PT.forca prefeito,os paulistanos estão com vc!!!!!!!!

  8. Os políticos de carreira não gostam do Dória porque ele é um gestor e não um político. Chamou a iniciativa privada para atuar junto, o que vem diminuir os gastos da prefeitura e com isso também o risco de desvio de verbas cai. A corrupção diminui, e além do mais, Dória é muito bem sucedido como empresário e não necessita do dinheiro público nem se corromper. Os empresários há muito tempo se propunham a colaborar, mas não confiavam em ninguém. Agora tem um do ramo e que quer fazer algo diferente em prol do povo, logo é normal a repulsa, pois “prego que se destaca leva martelada”. Parabéns aos paulistas que souberam escolher muito bem o seu prefeito. Até o momento, considero irrepreensível a sua gestão.

    1. Observo que Doria vem usando e, certamente continuará a usar, setores do empresariado e do mercado como instrumento para alavancar grandes mudanças na cidade de São Paulo com marcas positivas que logo vão inspirar outros gestores a seguir o mesmo modelo de gestão.

  9. O PSDB é de esquerda, e o MBL, seus paus mandados. Eles querem economia livre, mantendo as outras pautas de esquerda intactas: aborto, liberação de drogas, obrigatoriedade de aceitação do homossexualismo entre outras coisas. O que precisamos são de conservadores de verdade. Chega de esquerdismo!!! Chega de alternância de poder entre PSDB e PT!!! Chega de Pacto de Pricenton!!!

  10. Perfeito seu comentário “Os políticos de carreira não gostam do Dória porque ele é um gestor e não um político. Chamou a iniciativa privada para atuar junto, o que vem diminuir os gastos da prefeitura e com isso também o risco de desvio de verbas cai. A corrupção diminui, e além do mais, Dória é muito bem sucedido como empresário e não necessita do dinheiro público nem se corromper. Os empresários há muito tempo se propunham a colaborar, mas não confiavam em ninguém. Agora tem um do ramo e que quer fazer algo diferente em prol do povo, logo é normal a repulsa, pois “prego que se destaca leva martelada”. Parabéns aos paulistas que souberam escolher muito bem o seu prefeito. Até o momento, considero irrepreensível a sua gestão.”

  11. Apoio a direita liberal ! E Dória tem que mostrar efetividade , principalmente , na segurança e combate às drogas ! Por enquanto está indo muito bem !

  12. A parte do povo brasileiro que nao se locupleta do estado cansou dos atuais politicos, e opta por pessoas patriotas que querem administrar o pais, apenas, sem ideologismos e favorecimento das diferentes categorias socias. Doria é a promessa e poderá liderar uma nova fase. Será o proximo presidente, junto com representantes eleitos por voto distrital.

  13. Até o final de 2017, a plataforma do João Dória estará maior que o PSDB, dada às descobertas de falcatruas que o partido cometeu, pela operação lava jato.

    1. Dória e Jair Bolsonaro seriam a dupla perfeita nas próximas eleições, Dória vem mostrando q é preciso saber administrar para se gerir o poder público, do outro lado temos Bolsonaro q vem trazendo dentre outras, solução para a falta de segurança no “Brasil”, se essas mãos pudessem andar juntas, acredito q teríamos um país digno, seguro e blindado!!!

      1. Só tenta convencer o Dória, que tem horror da ditadura militar, porque seu pai foi exilado do Brasil para Paris qnd o prefeito tinha 7 anos, que ele tem que andar de mãos dadas com alguém que exalta a ditadura e atuou nela. O Dória sempre usou e usa os termos Golpe Militar e Ditadura militar.

  14. Eu moro em formosa-Go e defendo sim Dória como nosso candidato à presidência 2018,não vejo outra opção aplausiva no momento,estamos num mar de corrupção e esses velhos coronéis que por anos vem sugando nosso país tá na hora de aposentar seus bolsos abarrotados com o dinheiro do povo .

  15. Os tradicionais tucanos precisam de uma reciclagem. A voz das ruas é uma realidade tal, que toda a política está sujeita a ela. O tucanato perdeu o momento da história, faltou alguém para dizer o famoso: é agora. O sr Geraldo sempre esperando a decisão do partido, que sempre é um parto, saltou na frente tomou posição e fez o prefeito. Agora tem um espaço a ser defendido.

  16. O suposto realinhamento do PSDB não é o abandono do pensamento social democrata mas uma recalibragem dentro do contexto nacional com menos estado onde o setor privado faz melhor e mais estado onde ele é essencial.
    Uma excelente repaginação da social democracia necessária com a parte capitalista necessária.

  17. Novos tempos!!! novas ideias!!! um novo caminho esta se delineando no horizonte!!! a aposta pessoal do Governador Geraldo Alckmin em Doria mostra o lado Progressista e Liberal do Governador!!! como Paulista que sou de carterinha, nao podemos perder esta joia da coroa que e JOAO DORIA PARA GOVERNADOR E GERALDO ALCKMIN PARA PRESIDENTE, ESTA DOBRADINHA FARIA BEM AOS PAULISTAS E AO BRASIL, nos colocaria-mos nos trilhos do desenvolvimento e por concequencia na expansao do trabalho e do emprego na promoçao dos Negocios empresariais!!!! sim somos uma nova direita liberal que cansou de um discurso surrado de esqueda dos anos 60, e quer mais desenvolvimento empresarial no pais para dar trabalho para o POVO BRASILEIRO!!!! chega desta retorica de esquerda das universidades!!! o povo precisa de Pao e mais trabalho e nao circo!!!! o BRASIL DE DIREITA QUE SE AGLUTINA E SE FORTALECE MOSTRARA A QUE VEIO E DARA RUMO AO PAIS!!! com todo o respeito que tenho pelos Baluartes do PSDB ala mais a esquerda com seus idearios ficaram velhos e ranzinza, quero concluir disendo, estes que hoje resmungam um dia foram jovens e sonharam e tiveram ideias e contraporao outros de sua epoca!!! chegaram la cumpriram o seu papel, AGORA A HISTORIA E OUTRA E OS DESAFIOS SAO OUTROS E A NOVA DIREITA DO PSDB SE APRESENTA PARA CONSTRUIR AO SEU TEMPO QUE E “AGORA” UMA NOVA HISTORIA!!!!

  18. Cansamos de um PSDB de traseiros flacido, precisamos de gente que faz, de gente que encara os problemas do povo. Vcs esquerdistas do PSDB tem uma enorme culpa da situação do nosso pais por terem sido omissos e covardes, vendo o PT e sua curriola destruir tudo. FHC senpe votei evc, mas agora, pro inferno!

  19. Cansamos de um PSDB de traseiros flacido, precisamos de gente que faz, de gente que encara os problemas do povo. Vcs esquerdistas do PSDB tem uma enorme culpa da situação do nosso pais por terem sido omissos e covardes, vendo o PT e sua curriola destruir tudo. FHC sempe votei em vc, mas agora, pro inferno!

  20. FHC diz que Dória não sabe ser um líder, Parece que o FHC acha que ser líder é simplesmente ter mais recursos e poder, impondo ideias e deveres sentado no seu trono de gloria, mas não só ele como todos os outros irão aprender que ser líder é estar na frente de batalha trabalhando junto com o povo.

  21. Fernando Henrique, Fidel Castro,LULA,Hugo Chavez, o Maconheiro Fujica…Artificis Mentores do *Foro de SP….Uns ja Morreram,Outros ainda Insistem em Participar desse Filme,quando o Máximo que deveriam era uma Ponta em WALKING DEAD.

  22. Dória é um fenômeno 👏👏👏👏👏 mas tenho medo de ele se candidatar em 2018 e o pessoal achar q ele só está acelerando assim pra fazer campanha não sei se seria a hora certa pra ele e se a direita se dividir quem quem vai levar é o PT sou fã também do Bolsonaro que elogiou o Dória nos dois dedos de prosa com o Ratinho como sendo uma promessa e que não deveria se desviar dos seus ideias por causa de partido nenhum !!!

  23. O Grão Tucano Fernando Henrique Cardoso já entendeu o que significa a mudança de paradigmas que os brasileiros anseiam. Nós não queremos um líder que nos inspire. Queremos um gestor, sim! Não desejamos líderes populistas que inspirem as massas, pois estes líderes sob a retórica de uma ideologia imprimiam na sociedade apenas o seu projeto de poder. Queremos um gestor que interfira o mínimo possível na sociedade. Queremos que garanta o auto funcionamento da economia de mercado por sua motriz de livre iniciativa. Queremos que defenda as liberdades individuais e os direitos civis sem políticas de segmentação da sociedade ─ pois não queremos ser divididos para sermos governados, somos todos iguais perante a lei. E os políticos da esquerda do PSDB ─ que de progressistas não tem nada, pois a esquerda é o retrogrado pensamento da sociedade controlada pela oligarquia política representativa do partido dominante ─ já perceberam que Dória quebra todo este modelo de casta de semi deuses que eram eleitos e se eximiam das responsabilidades durante o mandato. Nada mais compreensível do que FHC, como representante mor destes cachorros mortos na política, insista em preservar os privilégios dos políticos que vivem do projeto de poder em serem líderes. Dória veio para mostrar que a liderança que inspira até existe, mas vem laureando a sua gestão e não seu projeto de poder.

    1. Parabens pelo raciocínio claro e verdadeiro…o Brasil clama por mudança no seu governo…chega de falsos líderes cujo objetivo é apenas protegerem as benécies de seus apaniguados…

  24. Vejo João Doria como um marco na história da política Brasileira, onde não mais tem vez as extravagâncias, o descaso com o dinheiro público, ações em benefício próprio, falta de clareza nas ações tomadas e o principal falta de respeito com o contribuinte!! Parabéns João Doria, terá meu voto em 2018!!

  25. João Dória esta mudando nossa política com dinamismo, eficiência, resultados e principalmente muita transparência!
    Fantástico a forma que ele adorou de está mais próximo dá população e usar as redes sociais para divulgação do mesmo de forma ímpar sem passa por uma mídia que sempre distorce as informações!!!
    Infelizmente não sou de São Paulo pois gostaria muito de estar participando desse momento histórico mais de perto!!!

    Que o brasileiro tome a cidade de São Paulo um exemplo de como é extremamente importante escolhermos nossos políticos!
    Não adianta se matar de trabalhar se não temos uma boa liderança!!!
    Hoje nós gastamos mais dinheiro com impostos do que com nossa família!

  26. Nosso ex-presidente Fernando Henrique está equivocado, talvez por não ter tido a oportunidade de ser empreendedor. Todo empreendedor de sucesso, ao desenvolver sua atividade precisa ser ou aprender a ser líder. Sorry, FHC, essa não deu.

  27. Apagou meu comentário, amigo? Então o jornalivre não é tão prol dá liberdade, só quando convém? Tudo bem, sabemos quem é, realmente, idealista de Direita e quem está de onda.

  28. O problema
    Dos “velhos” e ficar parado no tempo em que fizeram
    Algo e esquecem que o mundo gira num piscar de olhos!!! Feliz por terb prefeito que realmente quer melhorar nossa cidade! Ficarei triste caso tenha que sair para ir concorrer à presidência pois não terminará seu objetivo em sp! Mas tenho certeza que ele fará muito pelo Brasil ! #doria2018

  29. Não há dúvida que Dória é o melhor Prefeito do Brasil e será candidato para Pres do Brasil.Tem mostrado competençia como Gestor e está mudando a maneira de governar essa cidade de São Paulo.

  30. Incrível é você imaginar que levariam se décadas para que talvez um dia um pouco da corrupção de nosso país diminuísse muitas vezes pensei : serão meus netos ou bisnetos? Ou será que outras gerações ainda mais a frente terão o privilégio de ver um país tão lindo e próspero como o Brasil passado a limpo com gestores em prol da população brasileira, ansiando por direitos básicos a todos, enfim o que estou vendo hoje que talvez não os netos e bisnetos e sim eu possa ter a chance de ver um país melhor e mais justo a todos enfim estamos lançando todas as nossas esperanças em pessoas como
    Nosso querido Juiz Sérgio Moro e sua equipe de trabalho, em pessoas como o atual prefeito de São Paulo João Dória, que vem mostrando que sim, é possível um país com menos corrupção que não importa o tamanho da cidade a se administrar com caráter, respeito, e sem politicagem é possível um país justo a toda uma nação, que Deus abençoe a todos que dedicam parte de suas vidas em prol do ser humano em busca de igualdade e justiça, amém.

  31. Dória, ao assumir a postura que qualquer político deveria ter, mata de raiva e inveja aqueles que a sociedade brasileira aprendeu a se enojar.

  32. Espero que o Dória não se candidate à presidência e 2018 porque uma grande parte da população, insatisfeita com os governos que vieram até agora, votarão no Bolsonaro. Isto só vai servir para dividir os votos e eventualmente o PT ganhar de novo. Deixa o Alkmin se candidatar porque ele só vai ser derrotado mais uma vez, já que não enxerga a própria mediocridade. E finalize o mandato como já disse tantas vezes que faria. Ter palavra é bom para variar, depois se candidate na próxima eleição presidencial.

  33. Concordo que o PSDB esta polarizado e não há espaço para maiores movimentos que defendam sua ideologia similar a partidos socialistas como o PSOE de Felipe Gonzalez. Talvez Dória possa dar um novo rumo a essa decadência politica e promover mudanças efetivas, auxiliando os mais necessitados. Por que não?

  34. Concordo que Dória deva terminar o mandato, o que acredito o fará muito bem. Estará assim, cumprindo promessa de campanha e evitando dividir forças anti-petista. É chegada a hora de darmos um basta à farra esquerdista em nosso País. Friso porém, que devemos estar atentos para que não haja exageros à direita. Extremismo NÃO.

  35. O João Doria é hoje sem duvida alguma um político que acreditamos,porém não acredito em nenhum paulista que consiga chegar a presidência , são absolutamente todos os demais estados contra São Paulo

Deixe uma resposta