Marcelo Odebrecht negociava propinas com Palocci e depois com Mantega, apontam delações

O reino da propina do PT teve vários cavaleiros. Dentre eles, segundo a delação de Marcelo Odebrecht, estavam Antonio Palocci e Guido Mantega. Até 2011, a Odebrecht negociava o pagamento de propinas com Antonio Palocci.

Depois disso, passou a negociar com Guido Mantega, exceto pelo caso da MP 470, que antecedeu a passagem de Mantega ao cargo de arrecadador clandestino do PT.

A informação é do site O Antagonista.

Anúncios

Deixe uma resposta