Extrema-esquerda diz que Boulos foi cortado da Folha por perseguição política, mas a verdade é que o jornal está falindo

por Roger Scar

Hoje Kim Kataguiri, do MBL, teve sua última postagem na coluna que manteve por mais de um ano na Folha de São Paulo. Na semana passada foi Guilherme Boulos, do grupo terrorista MTST. A grande diferença entre ambos é que um lado, o do MBL, sabe exatamente os motivos para este corte, e como já possui alta popularidade não precisa se preocupar muito com isso. Já o lado de Boulos, que basicamente vive de terror e baderna, sente-se preocupado com a perda do espaço.

Brasil 247, por exemplo, fez um artigo em 9 de março reclamando da saída de Boulos, tratando do caso como perseguição política. Uma piada, é claro. A Folha é o jornal mais esquerdista do país entre os grandes, e no que diz respeito a fazer panfletagem petista é o veículo mais empenhado, mais até do que os blogs assumidamente petistas. A verdade mesmo é que Boulos, assim como Kim, foi demitido porque a Folha está falindo…

Sim, a Folha está falindo e não é de hoje. Os últimos dois anos têm sido difíceis para a imprensa mainstream, e o motivo é claro: perda de credibilidade gerada a partir da reprodução de notícias falsas e manipuladas. O grupo Folha é um dos mais criticados pelos seguidores nas redes sociais, justamente por manter uma postura de panfleto partidário e não a de um jornal sério.

Essa crise que assola a Folha vem de algum tempo. Em junho do ano passado o jornal demitiu pelo menos oito funcionários de sua redação, incluindo Alessandra Balles, redatora especial da primeira página. Também no ano passado o grupo vendeu sua participação no Valor Econômico para o Grupo Globo. Fontes alegam que a transação ocorreu com valores bem abaixo do mercado.

Tudo isso é causado por uma queda vertiginosa nas assinaturas. O Grupo Folha está em crise e isso é inegável, mas não se pode dizer que é imerecido. Talvez lhes sirva de lição para que passem a fazer jornalismo de verdade, ou então que se assumam logo petistas e vivam do dinheiro dos partidos que apoiam, assim a coisa fica menos feia.

Anúncios

8 comentários sobre “Extrema-esquerda diz que Boulos foi cortado da Folha por perseguição política, mas a verdade é que o jornal está falindo

  1. Acabou a grana fácil vinda do governo, agora vão ter que se virar sozinhos. E com a esquerdização dos jornais, o público está fugindo deles. Não compra, e menos gente comprando é menos dinheiro entrando. Quando abrirem os olhos será tarde. A esquerda levou o jornalismo pro buraco

  2. Eu mesmo não leio nada da foice se são paulo=lixo ptralha.Só entro la para descer o pau,naquele pasquim ptralha.Estão demorando demais para quebrarem.

  3. Jornais não tolera idiotas escrevendo idiotices o tempo todo. Por isso jornais contratam idiotas com popularidade altas e depois de um tempo os demite.

Deixe uma resposta