Para o terror de Lula, o “Amigo”, Emílio Odebrecht depõe hoje ao juiz Moro

O delator e patriarca do grupo empresarial Odebrecht, Emílio Alves Odebrecht, depõe nesta segunda-feira ao juiz federal Sergio Moro, a partir das 9h30, como testemunha de seu filho e também delator Marcelo Odebrecht, preso desde 2015 na Operação Lava Jato.

Emílio, que foi um dos responsáveis por coordenar junto com os advogados as negociações com o Ministério Público Federal (MPF) para a colaboração premiada de executivos e ex-executivos da empreiteira, vai falar pela primeira vez ao juiz responsável pelas ações da Lava Jato na primeira instância, por meio de videoconferência, diretamente do Fórum Criminal de São Paulo.

Além dele, também serão ouvidos na defesa de Marcelo o atual presidente do grupo Odebrecht, Newton de Souza, e os ex-executivos da empresa e também delatores da operação Pedro Novis e Márcio Faria.

Ligados à cúpula da empreiteira, eles vão depor na ação penal da Lava Jato em Curitiba na qual o ex-ministro Antonio Palocci é acusado de atuar para favorecer os interesses da Odebrecht junto ao governo federal na contratação de sondas de exploração do pré-sal com a Petrobras.

A informação é da Veja.

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta