Artistas de esquerda surtam: Doria congela orçamento da Secretaria de Cultura e mamatas criadas por Haddad

Pelo jeito, Doria terá que aguentar mais ofensas da esquerda por um bom tempo. A gestão do prefeito acaba de  congelar 43,5% do orçamento municipal destinado à Secretaria de Cultura, o que, como era de se esperar,  gerou protestos dos artistas/oportunistas que vivem às custas do dinheiro dos pagadores de impostos.

Já foi até organizado um ato contra a medida. O evento foi convocado pela “Cooperativa Paulista de Teatro” junto com a “Frente Única – Descongela Cultura Já” e se chama o “Grande Ato pelo Descongelamento da Cultura”, que  aconteceu no dia 22 deste mês. Foram pouco menos de 300 pessoas de acordo com a Polícia Militar.

Os artistas/oportunistas  não se conformaram com a baixa aderência e preparam outro evento, a “ação na Câmara Municipal de São Paulo” no próximo dia 14 de março e um novo “Grande Ato” no dia 27 de março. Reserve na sua agenda para acompanhar mais dois fracassos!

Na visão dos organizadores da baderna, o congelamento das verbas estaria atrapalhando as atividades da “Escola Municipal de Iniciação Artística de São Paulo” e o “prêmio Zé Renato”, criado pela gestão do petista Fernando Haddad para financiar peças de teatro (no valor de até 250 mil reais por peça) com o dinheiro público.

Colaboração do ILISP.

Anúncios

Um comentário sobre “Artistas de esquerda surtam: Doria congela orçamento da Secretaria de Cultura e mamatas criadas por Haddad

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s