Ex-executivo da Odebrecht afirma ter dado R$ 9 milhões em caixa 2 para Aécio

O ex-presidente da Odebrecht, Benedicto Júnior, delator da Lava Jato, disse nesta-quinta-feira, 2, em seu depoimento que em 2014 repassou R$ 9 milhões a políticos do PSDB e do PP a pedido de Aécio Neves, que é presidente nacional da sigla. A doação teria sido feita via caixa 2.

Segundo o depoimento, a Odebrecht teria repassado R$ 200 milhões para todas as campanhas de 2014, sendo que R$ 120 milhões foram transferidos de forma oficial, e R$ 40 milhões por caixa 2.

Benedicto não esclareceu se tratou pessoalmente com Aécio sobre as doações ou não.

Anúncios

Deixe uma resposta