Após ataque ao MBL, Guilherme Boulos é desafiado por Kim Kataguiri para debate

Guilherme Boulos, líder do movimento petista MTST, tem feito ataques ao MBL nos últimos meses e em especial nas últimas semanas, quando o movimento conclamou a população para novos protestos em 26 de março.

No entanto, Boulos não teve coragem para apontar fatos, talvez por não tê-los encontrado, e então preferiu fazer o que Kim chamou de “espantalhos”. Em sua coluna na Folha de São Paulo, Kim Kataguiri o desafiou a um debate.

Até agora, Boulos ainda não respondeu.

Anúncios

4 comentários sobre “Após ataque ao MBL, Guilherme Boulos é desafiado por Kim Kataguiri para debate

  1. Kim, o que vem debaixo não nos atingem, os ptralhas e comunistas e seus puxadinhos (PSOL, REDE, PCdoB, PSTU, PDT) não passam de umas organizações criminosas, cujo chefe é o molusco.
    O Lula FUNDOU o PT que deu origem aos puxadinhos, a Dilma AFUNDOU-OS.

  2. Cagão do MTST se acha que isso serve para alguma coisa……….. Nem para adubar plantas isso serve……… é jogar na terra e matar tudo a sua volta…….. LIXO

  3. Kim, faça apenas uma pergunta para o cumunistazinho caviar: “Como você explica a invasão e permanência no antigo cine Marrocos pelo MTST, aonde sua turma dava guarida ao PCC para distribuição de drogas no centro antigo da capital de São Paulo?”.

Deixe uma resposta