Restaurante japonês sofre ataque de assessoria LGBT por fazer promoção para casal composto por homem e mulher

A Patrulha do Mimimi ataca novamente! Uma simples postagem de restaurante de comida japonesa de Araraquara, interior de São Paulo, foi motivo de uma desnecessária polêmica nas redes sociais.

De acordo com matéria publicada no portal G1, ao anunciar uma promoção de rodízio para casal, é especificado ser para homem e mulher, o que excluiria os casais de homossexuais. Na verdade, uma tremenda bobagem levantada pela Assessoria de Políticas LGBT de Araraquara com objetivo de induzir as pessoas a acreditarem que o restaurante seria preconceituoso. Na verdade, a promoção considerava apenas fatores envolvendo os custos do estabelecimento uma vez que, como é de conhecimento comum, na maior parte das vezes, o homem costuma comer mais do que a mulher.

Abaixo, o post que causou a “polêmica”:

restauranteok

casal

Por conta da pressão da organização LGBT de Araraquara, o dono do restaurante foi obrigado a se retratar publicamente e fez uma outra promoção na qual incluiu o termo “par”, mas o preço, que antes era R$ 109,90,  agora passou a ser de R$ 119,90 para todos que levarem um acompanhante, independente do sexo.

 

Anúncios

Um comentário sobre “Restaurante japonês sofre ataque de assessoria LGBT por fazer promoção para casal composto por homem e mulher

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s