Moro nega suspender processo de Lula em razão de morte de Marisa

O juiz federal Sérgio Moro negou o pedido de suspensão do processo contra Lula, protocolado pela defesa do petista. Os advogados haviam solicitado o adiamento das audiências em razão do falecimento da ex-primeira dama Marisa Letícia.

“Apesar de trágico e lamentável acontecimento, há diversas audiências já designadas, com dezenas de testemunhas, e para as quais foram realizadas dezenas de diligências por este Juízo e pelos diversos Juízos deprecados para a sua viabilização”, escreveu Moro, em despacho desta quarta-feira, 8. “Assim, indefiro o requerido.”

“É de se concluir que a Defesa já teve tempo suficiente para se preparar previamente para as inquirições em questão”, registra Sérgio Moro, que também alega não haver amparo legal para o pleito de suspensão do processo.”

Mais uma chicana de Lula para tentar escapar da justiça, e Moro não cedeu.

Anúncios

Um comentário sobre “Moro nega suspender processo de Lula em razão de morte de Marisa

  1. Vamos passar o Brasil a limpo como diz o Eike Batista, se provar a corrupção e tantos crimes contra órgãos públicas tem que que ir preso, seguindo o mesmo caminho do Cabral, Garotinho, Eike Batista, Marcelo Ordebrecht, Eduardo Cunha, e tantos outros e com prisão perpetua. Quem sabe nasce um Brasil Novo. Mas está muito difícil, ainda mais com o Temer querendo jogar Xadres, na prática com tabuleiro, deve ser um jogador medíocre.

Deixe uma resposta