Eleição do Senado contou com nova urna eletrônica, rápida e segura

Uma nova urna eletrônica foi utilizada na eleição da Mesa do Senado.

Desenvolvida pela Câmara dos Deputados a urna conta com um sistema de segurança cruzado: cada senador terá que utilizar senha e biometria em sua identificação, o que “impede completamente invasões de terceiros ou o voto de um senador pelo outro”, assegurou o secretário-geral do Senado, Luiz Fernando Bandeira.

A nova urna torna o processo imediato, pois o resultado foi exibido instantaneamente no painel eletrônico do Plenário.

Anúncios

Deixe uma resposta