Dois ex-ministros do STF fecham apoio a Ives Gandra

Eros Graus e Nelson Jobim, ambos ex-ministros do Supremo, se comprometeram a trabalhar para que Ives Gandra seja o escolhido para substituir Teori Zavascki.

Eros Graus possui relação amistosa com o presidente Temer, e ano passado causou a fúria da extrema-esquerda, pois defendeu a constitucionalidade do impeachment como um processo normal, além de ter cravado que a posse de Temer iria solucionar a crise política.

Nelson Jobim foi convidado pelo governo Temer para ocupar a pasta do Ministério da Defesa, mas declinou por recear que sua atuação como advogado-consultor de empreiteiras da Lava Jato pudesse comprometer o governo. Chegou a participar por um tempo como membro do “Conselhão” (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social).

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “Dois ex-ministros do STF fecham apoio a Ives Gandra

Deixe uma resposta