Temer defende homologação das delações da Odebrecht

O presidente Michel Temer elogiou a decisão da ministra Cármen Lúcia, presidente do STF, de homologar as delações da Odebrecht. A ministra também determinou que os depoimentos dos 77 executivos da empreiteira sejam mantidos em sigilo.

“Fez o que deveria fazer e, nesse sentido, fez corretamente”, disse Temer. Assim, ficam desmentidos os boatos de que o Planalto defendia o adiamento da homologação e comprovado que, também para a presidente do STF, o tema é de natureza urgente.

Anúncios

Um comentário sobre “Temer defende homologação das delações da Odebrecht

Deixe uma resposta