Em 2014, americanos consideravam Obama o pior presidente desde a segunda guerra e até a imprensa teve que admitir o fato

A imprensa nacional e internacional esteve do lado de Barack Obama e dos Democratas desde a década de 90, de forma escancarada. Na campanha presidencial do ano passado, a mídia brasileira chegou ao fundo do poço noticiando mentiras sobre Donald Trump e ocultando verdades inconvenientes sobre Hillary Clinton.

Ainda assim, em 2014, boa parte da imprensa se viu obrigada a noticiar a verdade sobre o governo de Barack Obama, presidente que a maioria dos americanos se arrependeu de reeleger.

Segundo a enquete da universidade Quinnipiac, 33% dos indagados nomearam Obama quando foram perguntados sobre quem consideravam o pior presidente desde a Segunda Guerra Mundial, seguido dos 28% que mencionaram Bush filho e 13% que lembraram de Richard Nixon, que pelo escândalo Watergate se transformou no único presidente que renunciou na história do país.

‘Nos últimos 69 anos de história americana e 12 presidências, o presidente Barack Obama se encontra junto com George W. Bush com a mais baixa popularidade’, explicou em comunicado Tim Malloy, diretor-adjunto do centro de enquetes da universidade Quinnipiac, no estado de Connecticut.

G1, Folha de São Paulo e revista Exame foram obrigados a noticiar, mesmo a contragosto.

 

Anúncios

Um comentário sobre “Em 2014, americanos consideravam Obama o pior presidente desde a segunda guerra e até a imprensa teve que admitir o fato

Deixe uma resposta