Gleisi está preocupada com narrativa petista após aliança com aqueles que chamaram de “golpistas”

Na semana passada o senador Lindbergh Farias (PT) deu chilique após a decisão do partido em agir, na Câmara dos Deputados, de modo a favorecer o democrata Rodrigo Maia na disputa pela presidência da casa. PT e PCdoB, em troca de algumas boquinhas, acabarem decidindo se juntar àqueles a quem acusavam de “golpistas”, e então Lindbergh não se conteve, uma vez que passou todo o processo de impeachment bradando contra eles.

Agora, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) também cobrou ‘coerência’, como se o PT já não fizesse esse tipo de acórdão desde sempre.

“Se estamos denunciando o golpe, como vamos nos sentar com aqueles que o promoveram”, disse ela, fingindo indignação.

Anúncios

Deixe uma resposta