Doria vai recorrer de decisão judicial que vetou temporariamente retomada da velocidade normal nas marginais

Conforme a Jovem Pan, o prefeito João Doria (PSDB) anunciou neste sábado (21) que vai recorrer da decisão judicial que proibiu o aumento da velocidade nas marginais. Ele afirmou que a Prefeitura entrará com recurso nesta segunda-feira (23).

“Há confiança absoluta de que vamos reverter essa decisão liminar. Pois a confiança que temos nos estudos técnicos preparados pela equipe da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), sob o comando do Sergio Avelleda (secretário de Transportes) serão absolutamente suficientes para convencer os juízes”, disse o prefeito. Ele também afirmou que a campanha sobre o aumento das velocidades nas marginais com a participação do ex-piloto Emerson Fittipaldi está suspensa até nova decisão judicial.

O juiz Luis Manoel Fonseca Pires, da 4.ª Vara da Fazenda Pública, acolheu na sexta-feira (20) pedido de liminar feito em ação movida pela Associação de Ciclistas Urbanos da Cidade de São Paulo (Ciclocidade), a qual argumentava que o aumento das velocidades traria risco ao trânsito, especialmente para ciclistas e pedestres. O juiz tem um histórico de decisões estranhas em favor da extrema-esquerda, como vimos aqui.

Os novos limites, uma das principais promessas de campanha do tucano, entrariam em vigor a partir da próxima quarta-feira, 25, dia do aniversário da cidade.

Anúncios

Um comentário sobre “Doria vai recorrer de decisão judicial que vetou temporariamente retomada da velocidade normal nas marginais

  1. João Dória, bom dia. A sub de São Matheus está sem equipe de poda e corte de árvore, fiz um pedido de corte e eles alegaram que não tem nem carro para visita no local e pediram pra eu procurar o Bombeiro. A árvore em questão é muito alta e esta oca por dentro e se cair o estrago será grande

Deixe uma resposta