Comissionado de Tarso Genro recebeu R$ 3,1 milhões da Ancine para fazer filme obscuro

Tailor Diniz, marido da jornalista Rosane Oliveira, ocupava cargo bem remunerado na Secretaria Estadual da Cultura durante o governo do petista Tarso Genro, no Rio Grande do Sul. Após a saída do PT, o governador Sartori permitiu que ele continuasse, mas o mesmo preferiu sair para cuidar de seu filme. A informação, a propósito, é de sua própria esposa.

“A Superfície da Sombra”, filme dirigido e de autoria de Diniz, recebeu nada menos do que R$ 3,1 milhões da Ancine, agência nacional do cinema que está sob a direção de Paulo Rangel, uma indicação que o governo Dilma, PT, prontamente aceitou, já que partiu do PCdoB.

Essa história está muito mal contada.

Anúncios

Deixe uma resposta