Gestão Doria poda árvores na 23 de maio. Em 2016, mulher morreu após ser atingida por árvore…

Quem passava pela Avenida 23 de Maio, em São Paulo, na tarde deste domingo, notou que funcionários municipais estavam podando as árvores do local, o que é uma demanda antiga.

Em 16 de maio de 2016, uma árvore infestada de cupins atingiu uma mulher que trabalhava em uma barraca vendendo açaí, matando-a na hora.

Mais, da matéria da G1, da época:

A árvore que atingiu uma mulher que trabalhava em uma barraca vendendo açaí estava infestada de cupins. Mônica Francisca dos Santos, de 22 anos, trabalhava em uma feira gastronômica no Largo da Concórdia, no Centro da Capital, por volta das 17h nesta segunda-feira (16), quando foi atingida. A árvore que caiu era um pinheiro de 15 metros de altura.

Na manhã desta terça-feira (17), a polícia foi ao local em que a jovem foi atingida e instaurou um inquérito para apurar as causas da morte. “Quem cuida disso, quem tem que olhar para isso, deve ser responsabilizado”, afirmou o delegado Eder Pereira e Silva.

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, disse nesta terça-feira que 120 mil podas e 3 mil remoções de árvores são feitas por ano.

“Nós temos hoje um convênio, inclusive com a Eletropaulo, em que as podas aumentaram, as remoções aumentaram, mas, efetivamente, as árvores não estão preparadas para esse tipo de evento. E você não vai remover as árvores sãs. Você só remove árvore que está doente. Você não consegue em 24h dar conta de todos os problemas que acontecerem em função desse

Uma menina de dois anos que ficou ferida devido ao temporal permanece internada em estado estável, segundo informações da Santa Casa da capital. Além da menina, outras 5 pessoas ficaram feridas pelo temporal.

Conforme a assessoria de imprensa da Santa Casa, a garota de 2 anos passou por cirurgias no abdômem e no tórax, devido a perfurações. Nesta terça-feira (17), ela respirava com ajuda de aparelhos. Segundo o SPTV, foram registradas 181 quedas de árvores.

A demanda da população é que este tipo de situação diminua, com a poda adequada das árvores.

Anúncios

2 comentários sobre “Gestão Doria poda árvores na 23 de maio. Em 2016, mulher morreu após ser atingida por árvore…

  1. Tem um pequeno erro na matéria, que eu constatei “in loco”, já que passei na av 23 de maio no domingo de manhã e no sábado de manhã e lá estavam os funcionários da prefeitura com todo o equipamento possível cuidado da nossa cidade, ou seja não foi somente no domingo a tarde e nem somente na 23 de maio, mas também na região do Morumbi, marginal Pinheiros e outros pontos da cidade pelos quais passei.
    Parabéns à toda nova administração municipal.

Deixe uma resposta