Petista do DCM vai à loucura com Arthur do Val: oferecer sanduíche de mortadela é “maneira mais sórdida” de provocação

Os petistas não estão sabendo lidar com os questionamentos feitos por Arthur do Val, do canal Mamãe, Falei. Em um texto para o DCM, Mauro Donato comenta esses questionamentos feitos pelo youtuber durante manifestação do MPL nesta quinta (12).

Para Mauro Donato, Arthur do Val “estava desde a concentração na Praça do Ciclista provocando manifestantes e ativistas com suas entrevistas repletas de perguntas ‘inteligentes’”. O blogueiro petista diz que “esse arremedo de youtuber é um provocador profissional”.

O curioso é que a própria manifestação do MPL continha uma provocação, como Mauro confessa: “A marcha já estava próxima de seu destino. A intenção do Passe Livre era chegar à casa do prefeito João Doria, onde faria a solenidade de entrega do ‘Prêmio Catraca – categoria Aumento Inovador’, pela criatividade em camuflar o aumento nas integrações alegando manter congelada a tarifa.” Ou seja, os petistas também faziam brincadeiras contra oponentes, que não perderam a cabeça por isso.

O momento mais divertido (e incoerente) do texto do petista está aqui:

Com suas perguntas cretinas dirigidas a manifestantes escolhidos de maneira maldosa, o tal ‘Mamãe Falei’ terminou por tirar as pessoas do sério. Um grupo o cercou e ele, juntamente com um companheiro, correram para trás do cordão policial mais próximo. Havia muitos cordões humanos de bloqueio, um em cada esquina durante todo o trajeto, um contingente enorme.

Protegido por por policiais fortemente armados, Mamãe Falei passou a provocar a massa de manifestantes da maneira mais sórdida que o bom fascista sabe fazer: oferecendo um sanduíche de mortadela.

Aqui abro um parêntesis. Como soldados da PM sabiam quem era ele? Por que protegeram de maneira tão dedicada? Se algum manifestante saído daquele bloco corresse em direção à polícia seria recebido com repulsa e até, como soe ocorrer, com violência. Arthur e seu amigo ficaram ali entrincheirados por quanto tempo? Certeza absoluta de que não tiveram nada a ver com a quebradeira de bancos depois do ato já terminado? Fecha parêntesis.

Parece curioso que o petista Mauro Donato se incomodou com a suposta proteção policial a Arthur do Val. Igualmente, ele se contradisse em seu próprio texto, ao reclamar de questionamentos e brincadeiras lançadas aos petista no dia em que estes… lançaram brincadeiras contra um adversário. Coerência não se vê por aí.

 

Anúncios

9 comentários sobre “Petista do DCM vai à loucura com Arthur do Val: oferecer sanduíche de mortadela é “maneira mais sórdida” de provocação

  1. Adoraria o link do Comuna, esse povo tem de ser desmoralizado e humilhado por sua própria ignorância, basta deixar eles falarem pois só falam asneiras. MamaeFalei é a MELHOR iniciativa que já vi pois os desmascara por completo na falta de argumentos e fatos e revela a verdade sobre a esquerda para quem assista possa tirar suas conclusões. Olavo mais uma vez tem razão.

  2. Os comentários são uma lavagem a parte, dá até nojo! Nada contra o texto é postado, depois o fascista é o Arthur! Postei esse comentário lá, duvido ser aprovado:
    “N entendi os textos e os comentários aqui… mas admito que realmente ele foi desrespeitoso no final oferecendo pão com mortadela apenas para provocar! Antes disso ele estava fazendo perguntas validas sem agredir e nem ofender ninguém, como sempre faz, e para os poucos que conversavam, ele mostrava seu ponto de vista; quem começou com as ofensas e até agressões foram o pessoal da manifestação. Chamaram ele de fascista, mas quem ta pedindo a morte de um ser humano apenas por pensar diferente são vcs! Ps. A policia é tão bruta e arbitraria que a moça os chama de bostas no 11:47 do vídeo e eles n fazem nada com ela!”

  3. “Fascismo se dialoga na ponta do fuzil” a massa eu tenho pena, vai na onda e fala fascismo sem nem saber o que significa, apenas que é xingamento de quem não é de esquerda, mas ver gente alfabetizada, com curso superior, usar tão fora de contexto é muito triste, esse pseudo intelectualismo me faz ouvir cada bobagem que chegar a doer o meu ouvido de historiador

  4. Blog bem fraquinho esse aqui, tenta fazer um paralelo falho entre a brincadeira do trofeu para aumento de ônibus (algo claro e provado) com a brincadeira do sanduíche de mortadela (uma vez que é apenas um clichê falacioso pois as pessoas desse protesto não estavam ganhando sanduíche para estar ali). Boa sorte na próxima tentativa

  5. Vou deixar minha página, porque, né? Perguntas são uma forma de opressão para esse povo que não estudam e vão lutar por algo.

    Está claramente ali no vídeo e pessoas que passaram por lá, essa galera que está lutando pela causa, não entende nada de política e nem sabe o que está fazendo ali, já tive a audácia de ler o texto deles e eles dizendo que o Arthur provocou eles, mas provocou como? Socou? Chutou? Xingou? Não… fez perguntas, isso mesmo! Perguntas!

    Aí você vê como as coisas no Brasil andam, se você faz perguntas e debate com a galera, você do ”nada” se torna um ”Fascista”, ainda mais um cara ”Liberal”, vê se pode isso, não? Deus me livre…

    Eu fiz um comentário lá no site deles sobre esse texto, rebati TODOS os argumentos deles lá no site, estava em aprovação meu comentário, só que depois de um tempo, atualizei novamente e não estava mais em aprovação, só que também meu comentário não existia, é… eles recusaram meu comentário, talvez porque eu tivesse mais razão e lógica do que eles.

    Eu assim fico até com medo do Arthur se machucar, pegaram pedras para tacar nele, o amigo dele que o ajude! Eu assim não me importaria em ajudar também. Um abraço para todos!

Deixe uma resposta