Ofensa ao povo: Família de preso morto pode receber até R$ 50 mil em indenizações

A Defensoria Pública amazonense irá pedir ao governo do Estado que pague R$ 50 mil a cada uma das famílias de detentos mortos em presídios na semana passada. São ao todo 54 famílias, e o pagamento deverá somar R$ 3,2 milhões ao todo.

Segundo o defensor público-geral, Rafael Barbosa, em alguns casos poderá ser definido pagamento de pensão. O órgão deve começar a receber na próxima semana familiares dos presidiários para coletar dados e formalizar o valor.

Anúncios

Deixe uma resposta