Fernando Holiday é atacado por Ex-prefeito petista condenado: não é gente

O ex-prefeito de Poços de Caldas e atual vereador, Paulo Tadeu, usou sua conta no Twitter para atacar o vereador de São Paulo, Fernando Holiday, do MBL.

Em postagem, Tadeu afirma “Ele é gay, e não defende os gays; é negro e trabalha contra os negros; é pobre e representa os ricos: Fernando Holliday (sic) não é gente.”. Em resposta, a página do vereador paulistano reproduziu a ofensa e postou o meme abaixo:

paulo-tadeu

Esta não foi a única ofensa. Subindo o tom, Tadeu chamou o vereador paulistano de “excrescência” por o jovem não se alinhar aos dogmas ideológicos da esquerda, que pretende manter negros e gays sob o controle da militância vermelha:

paulo tadeu 2.png

A exemplo de notórios membros de seu partido, o petista Paulo Tadeu, prefeito entre 2001 e 2004, foi condenado recentemente pelo Tribunal de Contas de Minas Gerais a devolver pouco mais de R$ 826 mil aos cofres públicos. Além disso, também foi condenado a devolver o valor da correção monetária por irregularidades em uma concorrência para reforma do prédio das Thermas Antônio Carlos no ano de 2002. Entre as falhas apuradas pelo tribunal de contas estão as despesas pagas em duplicidade e pagamento de serviços extracontratuais.

Anúncios

4 comentários sobre “Fernando Holiday é atacado por Ex-prefeito petista condenado: não é gente

  1. A Cor, a Opção Sexual, a Idade Não importa E Simples o Respeito pelo próximo. Os Cidadãos Brasileiros devem ser tratados com igualdade, e não criar leis que protejam O Nordestino, O Sulista todos nós temos que respeitar e ser respeitados… Valores que estão sendo deixados pela família e a educação…

Deixe uma resposta