Ao contrário do que os petistas dizem, Sergio Moro e Lava Jato estão salvando a economia

Os petistas frequentemente atacam a Lava-Jato por supostamente estar atrapalhando a economia, expondo os esquemas de corrupção de grandes empreiteiras como a Odebrecht. A ideia que tentam vender é a de que a corrupção deve ser tolerada porque a empresa ajuda no crescimento econômico.

Tal narrativa não poderia ser mais falsa. Como apontou Affonso Celso Pastore em sua coluna no Estadão, ações de combate a corrupção como a Lava-Jato ajudam a economia, e não o contrário.

“Em vez de inibir o crescimento econômico, a operação Lava Jato vem criando as condições para que os empresários parem de investir em conexões políticas vantajosas e se concentrem na busca do aumento da eficiência, elevando a produtividade e conduzindo à aceleração do crescimento”, afirma o colunista.

Em outro trecho, Affonso aponta que empresas que investem em relações promiscuas com o governo ocupam o lugar de empresas mais eficientes que se negam a proceder desta forma, gerando uma seleção adversa.

Anúncios

Deixe uma resposta