PT ignorou os sem-teto para priorizar moradia para amigos do partido

Segundo informações do secretário estadual de habitação de São Paulo, Rodrigo Garcia, o governo do petista Fernando Haddad parece ter priorizado os amigos do partido em relação a programas de moradia. O ex-prefeito, que dizia se preocupar muito com os moradores de rua e com os mais pobres, concedeu vantagens aos coleguinhas de movimentos sociais como MTST, ligados diretamente ao PT, mas desprezou grande parte da população que espera nas filas por moradias.

Este não é o único caso em que o petista mostrou desprezo pelos mais pobres. Ano passado, justamente durante um dos invernos mais rigorosos, a gestão de Haddad saiu às ruas para tirar cobertores de mendigos a fim de “limpar a cidade”. Naquelas semanas de frio intenso, diversos moradores de rua faleceram por conta da hipotermia.

Garcia, da Habitação, ainda esclareceu que o governo estadual fará o possível para trabalhar em sinergia com o atual prefeito João Dória, de modo que tal problema poderá ser solucionado.

Anúncios

2 comentários sobre “PT ignorou os sem-teto para priorizar moradia para amigos do partido

Deixe uma resposta