Pezão terá sorte se não sofrer impeachment

por Baltazar Soares

Jorge Picciani tem disparado rajadas contra Luiz Fernando Pezão, e não são de balas de festim. A tensão no estado do Rio de Janeiro em virtude da crise é grande.

Se o atraso nos salários do funcionalismo público não for sanado até o março ou abril de 2017 – algo praticamente impossível – resta a Pezão fazer um só pedido quando pular as sete ondas na virada de ano: que não chegue à Alerj nenhum pedido de impeachment contra ele.

Caso isso ocorra, Picciani não hesitará nem um segundo em botar o processo para andar.

A informação é do Radar On-Line

Anúncios

Deixe uma resposta