Delação da Odebrecht comprova: Lula e Dilma deram um golpe no país

por Baltazar Soares

Não vai ter golpe? Já teve!

Lula e Dilma deram um golpe bilionário no país e, por muito pouco, não conseguiram consumar o que realmente queriam: o poder totalitário.

Adeptos da tirania socialista de forma assumida, os petistas seguiram passo a passo as ideias de Gramsci e entenderam perfeitamente que a corrupção, quando utilizada em prol dos interesses revolucionários, é “justificável”. Foi por isso que de longe – repito, de longe – o PT foi mesmo o partido mais corrupto da história do país e até mesmo do mundo.

A delação da Odebrecht jogou bastante coisa no ventilador, dentre elas o fato de que Lula, o chefão, sempre soube de tudo, assim como Dilma. Eles saquearam a Petrobrás, que tinha tudo para ser uma das maiores empresas de petróleo do mundo, com a única finalidade de adquirir mais poder.

Verdade seja dita, ninguém sequer suspeitava que a podridão fosse tão profunda. Nem o povo, nem os investigadores da Lava-Jato e nem mesmo os opositores petistas de modo geral. E ainda nem acabou, tem muito mais por vir.

Quando vai acabar? Aparentemente, nunca. Nunca vão parar de desenterrar podridão destes 13 anos em que o PT governou. O socialismo realmente faz estragos demasiados.

Anúncios

3 comentários sobre “Delação da Odebrecht comprova: Lula e Dilma deram um golpe no país

  1. Que merda de matéria, sem fonte nenhuma. Quem disse que Lula e Dilma são socialistas?
    Se eles roubaram tanto assim, onde colocaram todo o dinheiro? Não os vejo morando em grandes mansões e ostentando kkkk

  2. Sr. Baltazar bom dia

    Apenas discordo que ninguém desconfiava de Dilma e Lulla. Quando o Lulla no seu governo lançou a Balela do Pré-Sal, em que se justificava a auto-suficiência de gasolina e derivados, era ai a mais pura mentira , em um assunto que nunca foi explorado por nenhuma grande petrolífera do mundo. Além do mais , a vontade de Lulla na sua saída ser Presidente da Petrobrás é um fato que não enganava ninguém. Fora o Mensalão, que era apenas um boi-de-piranha, o resto só não é novidade para alguém que como Lulla , nunca lê jornal.

  3. Comecei a desconfiar quando muitas pessoas estavam sendo investigadas,onde já supus que, não seria possível que o maior poder do país estivesse ausente de tudo o que estava ocorrendo e não vinham até os meios de comunicação dar os seus pareceres,de os mandatários das autarquias Brasileiras sequer pedir uma investigação publica para desta forma se eximirem dos acontecimentos e ao mesmo tempo tomar conhecimento crimes em andamento,fato pois isso não aconteceu em momento algum,ponto passivo estavam envolvidos juntamento com os corrompidos & corruptores.

Deixe uma resposta