Doria lacra e confronta indústria das multas junto com retomada da velocidade normal das marginais

Uma boa notícia para este início de ano: João Doria Jr., o prefeito eleito de São Paulo, confirmou uma de suas principais promessas de campanha hoje (20/12): as Marginais Pinheiros e Tietê voltarão a ter 90 km/h como limite de velocidade em suas pistas expressas.

A excelente notícia terá validade a partir de 25 de janeiro. O anúncio foi feito pelo novo secretario de Transportes, Sérgio Avelleda, e o futuro presidente da CET, João Otaviano Neto.

Apenas para recapitular, o problema original (a redução irracional da velocidade nas marginais) foi criado pelo ainda prefeito Fernando Haddad, com o objetivo  de arrecadar dinheiro com as armadilhas para multa, motivo pelo qual ele é investigado. Na prática, o que aconteceu foi o aumento do trânsito e a permanência dos acidentes.

As velocidades seguirão assim:

Marginal Tietê

– Veículos Leves
Expressa – 90km/h
Central – 70 km/h
Local – 60km/h e 50km/h na faixa de rolamento que margeia o passeio

– Veículos Pesados
Expresa – 60km/h
Central – 60km/h
Local – 50 km/h em qualquer faixa

Marginal Pinheiros

– Veículso Leves
Expressa – 90km/h
Local – 60km/h e 50km/h na faixa de rolamento que margeia o passeio

– Veículos Pesados
Expresa – 60km/h
Local – 50 km/h em qualquer faixa

Fonte

Anúncios

12 comentários sobre “Doria lacra e confronta indústria das multas junto com retomada da velocidade normal das marginais

  1. Gostaria do estorno das multas a mim aplicadas e pagas durante esse período.
    Pois num só dia , bem como no mesmo local em que trafegava na marginal Pinheirose , fui multado em duplicidade no mesmo local horário e segundo , pois existiam duas câmeras próximas, as quais fui penalizado, recorri e me indeferiram meu recurso.
    Eleitor revoltado e indignado com a indústria da multa do assaltante Haddad, contato 82 999179866

  2. Eu realmente, votei nele só por isso. O fim da velocidade incompatível com os avanços tecnológicos da indústria automotivo. 50 km por hora, só é bom, para o prefeito e os bandidos, que na avenida. Jacu pêssego, os assaltos a motoristas aumentará por bandidos motoqueiro, descaracterizou o que o Maluf planejou fazendo vias expressas e esse comunista desfez todo trabalho, onde ele priorizou maior arrecadacao, como 90 de cada munícipe concordam

  3. Vamos dar tempo ao novo prefeito. Esta iniciando com um bom trabalho .eu acho que ele vai mudar muita coisa em São Paulo. A imprensa já o está criticando. Da um tempo para o Doria!

  4. Não seria tão mais fácil e informativo se vocês dessem dados reais das estatísticas de acidentes sobre os quais tanto os limites como os atuais os senhores se basearam para tomar decisões. Quantos foram vendedores ambulantes atropelados que não deveriam estar lá, quantos foram motociclistas que andam acima de todos os limites de qualquer forma, quantos foram batidas entre carros causádas por excesso de velocidade e por falta de pista de aceleração nos cruzamentos das marginais com ruas de bairro. E os ciclistas que não são permitidos nas marginais ?

  5. A história não é bem essa… Não sei se vocês sabem, mas na Marginal Pinheiros, por exemplo, trechos que tinham o limite de 90 km/h e foram reduzidos na gestão Haddad não voltaram ao limite anterior de 90 km/h, conforme anunciado, permanecendo o limite “petista” de 70 km/h. O interessante de tudo isso é que um destes trechos fica exatamente num espaço de no máximo 250 mts, mas conta com um radar que vem multando desenfreadamente os veículos no local… Isso sim é uma pegadinha bem elaborada…

Deixe uma resposta