Há um mês de sair da presidência, Obama ameaça Rússia e pode iniciar guerra

 O presidente dos EUA, Barack Obama, ao tentar encontrar um responsável pelo vazamento de informações do partido Democrata e consequentemente pela derrota vergonhosa de sua candidata, Hillary Clinton, acabou jogando a culpa em hackers russos.

O perigo é que Obama, que ganhou prêmio Nobel da Paz de 2009, prometeu retaliar publica ou secretamente. Isso a menos de um mês de sair da presidência e de Trump assumir.

O Presidente russo, Vladimir Putin, nega qualquer ação que tenha buscado intervir no processo eleitoral americano, e seu porta-voz, Dmitry Peskov, qualificou a alegação como “uma piada sem sentido”.

Obama e sua equipe não apresentaram, até o momento, nenhuma prova das acusações.

Anúncios

Deixe uma resposta