Reforma do Beira-Rio serviu como presente da Andrade Gutierrez para Dilma

Aparentemente, não foi só o ex-presidente Lula quem recebeu agrados futebolísticos de empreiteiras. Segundo o Radar On-Line, da Veja, a construção do estádio Beira-Rio foi um “presentinho” da construtora Andrade Gutierrez para a colorada Dilma Rousseff.

O presente é parecido com o que Lula, corintiano, recebeu da Odebrecht, quando a mesma construiu o estádio Itaquerão. Ambas as obras são suspeitas de terem sido feitas com dinheiro desviado da Petrobrás.

Anúncios

3 comentários sobre “Reforma do Beira-Rio serviu como presente da Andrade Gutierrez para Dilma

  1. A notícia é ridícula!!! Os estádios não foram construídos com dinheiro desviado da Petrobrás. A suspeita é de que foram “agrados” feitos aos dois criminosos que pessaram pela chefia do governo federal (Lula e Dilma) em decorrência das inúmeras maracutaias que as empreiteiras citadas tiveram a oportunidade de participar nos 13 de reinado petista. Os meliantes não seriam tão burros ao ponto de construir os referidos estádios com o dinheiro ROUBADO da PETROBRÁS. É óbvio!!!

Deixe uma resposta