Justiça do RJ suspende direitos políticos do petista Lindbergh Farias por 4 anos

Conforme o G1, a Justiça Fluminense suspendeu, por quatro anos, os direitos políticos do senador Luiz Lindbergh Farias Filho. A decisão é da juíza Nathalia Calil Miguel Magluta, titular da 5ª Vara Cível da Comarca de Nova Iguaçu e Mesquita, na Baixada Fluminense. Sua condenação pelo Tribunal de Justiça do RJ vem em razão de ele ter permitido o uso promocional de sua imagem, em dezembro de 2007 e no primeiro semestre de 2008, quando era prefeito de Nova Iguaçu e se candidatava à reeleição. Em nota, o senador informou que irá recorrer da sentença. Segundo o texto, “a matéria já foi julgada em 2011, pelo STF, que decidiu pelo seu arquivamento, com 10 votos a favor, por entender não haver indícios” para o processo.

Na ocasião em que era prefeito, de acordo com o TJ, Lindbergh distribuiu caixas de leite e cadernetas de controle de distribuição com o logotipo criado para o seu governo impresso no material. Na sentença, a juíza também condenou o ex-prefeito ao pagamento de multa no valor de R$ 480 mil.

“O réu usou seu cargo e o poder a ele inerente para beneficiar-se em sua campanha à reeleição. O réu causou dano ao gastar verba pública na criação do símbolo, sua inserção em campanhas e sua propagação, associada a seu nome, em situações em que não era necessário. Faltou à conduta do réu impessoalidade, economicidade e moralidade. Posto isso, condeno o réu Luiz Lindbergh Farias Filho à suspensão dos direitos políticos por 4 (quatro) anos e ao pagamento de multa civil no valor de R$ 480 mil reais”, ressaltou a magistrada na sentença.

A denúncia é do Ministério Público, que moveu ação civil de improbidade administrativa. Nas alegações, o MP defendeu que, além do uso do logotipo estilizado e das cores da Prefeitura nas caixas de leite, a promoção pessoal ficou ainda mais evidente nas cadernetas sociais que foram distribuídas para cerca de seis mil famílias, para o controle do recebimento periódico do leite, nas quais constava expressamente o nome do prefeito.

Anúncios

15 comentários sobre “Justiça do RJ suspende direitos políticos do petista Lindbergh Farias por 4 anos

  1. Notícia maravilhosa, agora que ele vai salivar muito e vai viver com as pupilas dilatadas!!!
    Até que fim, estava passando da hora, Cadeia!!!

  2. Creio que a arrogância do senador sempre ficou evidente, e a punição, ainda que em primeira instância mostra que ele não era apenas arrogante, mas um verdadeiro hipócrita.

  3. Cutucou muito a onça com vara curta! Quem brinca com a justiça ,está querendo uma resposta ,e a resposta demorou ,mas chegou !Não estou me referindo à justiça de faz de conta, exercida por pessoas que foram colocadas estratégicamente em postos a que não têm direito por não serem habilitadas , mas àquelas que militam há anos ,e conhecem todos os trâmites legais ,e sabem o que estão fazendo !

  4. Os caras ganham salários milionários, mas fazem questão de se meter em coisas erradas. Jogam para o alto a honra e o caráter em troca de dinheiro sujo.

  5. Nunca acordei com uma notícia tão importante é maravilhosa estava passando da hora …nao vejo a hora dos outros da quadrilha também receber o presente que merece ….nos estamos sofrendo as consequências desses bando de ratos ….. justiça tardou mas não falhou graças a Deus….PARABÉNS JUÍZA…

  6. Fora canalha, vc. Ja passou da hora. Vc é nojento, arrogante, gosta de gritar e além do mais se acha acima da lei. Que vc. Nunca mais seja eleito.

Deixe uma resposta