Entenda como fica a linha de sucessão “sem” Renan Calheiros

De acordo com a constituição, a ordem presidencial seria: presidente da república, vice, presidente da Câmara, presidente do Senado e presidente do STF; mas com a decisão do STF de tirar Renan Calheiros da linha sucessória da presidencia da república as coisas mudaram um pouco.

Como sabemos, o afastamento de Dilma Rouseff levou seu vice Michel Temer a presidência, sendo assim, o próximo na linha sucessória seria o então presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do DEM.

Como Renan Calheiros foi impedido de ocupar a linha de sucessão, caso o presidente Temer e o presidente da Câmara Rodrigo Maia tenham que se ausentar do país a ministra Cármen Lúcia do STF irá ocupar a cadeira presidencial.

Se por acaso o posto de presidente da república ficar permanentemente desocupado, por falecimento, renúncia ou afastamento, quem assume é o presidente da Câmara, no caso Rogrigo Maia, e é convocado um novo pleito. Se a vacância ocorrer antes da segunda metade do mandato devem ocorrer eleições diretas.

 

Anúncios

Deixe uma resposta