Haddad e Mercadante terão que explicar ao TCU o rombo do FIES

O prefeito mais odiado de São Paulo, Fernando Haddad, e Aloizio Mercadante, ambos ex-ministros da  educação, terão que se explicar ao TCU a respeito do rombo no FIES.

Após uma análise sobre o programa, o TCU conclui que o FIES, que foi amplamente utilizado pelo PT em suas propagandas, foi administrado de forma irresponsável durante todo esse tempo do governo petista, deixando um rombo que pode chegar a R$ 20 bilhões.

Além dos petistas Haddad e Mercadante, deve ser ouvida também a ex-ministra do Planejamento Miriam Belchior, entre outros.

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “Haddad e Mercadante terão que explicar ao TCU o rombo do FIES

Deixe uma resposta