Audiência pública sobre Escola Sem Partido foi tumultuada pela extrema-esquerda em Joinville

Na segunda-feira, dia 5, a partir das 19:30, ocorreu uma Audiência Pública na Câmara de Vereadores de Joinville a respeito do projeto de lei Escola Sem Partido, de autoria da vereadora pastora Leia. O que aconteceu, no entanto, foi o mesmo de sempre.

Militantes de extrema-esquerda se organizaram, levaram tambores ao local e tumultuaram a sessão do início ao fim, impossibilitando a discussão a respeito do tema. O vereador Cláudio Aragão, que presidia a audiência, teve que interrompê-la diversas vezes para tentar acalmar os ânimos.

O jurista Miguel Nagib, um dos principais responsáveis pelo projeto Escola Sem Partido a nível nacional, também esteve presente na sessão, mas quando tentou falar foi interrompido diversas vezes até que desistiu.

Apesar de a extrema-esquerda ter ido em peso ao local, havia no outro lado da plenária muitos estudantes, professores e pais de alunos presentes dando apoio ao projeto e a vereadora pastora Leia. Ao lado da esquerda, havia somente militantes ligados ao movimento negro, a Esquerda Marxista do PSOL e ao sindicato dos servidores públicos da cidade.

Abaixo, o vídeo quase completo do que rolou na audiência.

Anúncios

Um comentário sobre “Audiência pública sobre Escola Sem Partido foi tumultuada pela extrema-esquerda em Joinville

  1. Tá na hora de extirparmos esta casta esquerdista da sociedade que, por não terem argumentos válidos, usam da baderna para fazerem prevalecer suas posições. que não possuem.

Deixe uma resposta