Aliados de Renan Calheiros já admitem não há esperanças para o senador corrupto

Hoje (06/12) pela manhã, aliados do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) chegaram à conclusão de que ele não deve voltar para o comando do Senado. Ou seja, as ruas realmente conquistaram uma grande vitória para o Brasil e para a democracia.

Espera-se que o plenário do Supremo julgue rapidamente, assim que for liberada pelo ministro, a liminar de Marco Aurélio Mello que determinou o afastamento de Renan.

Na visão da tropa de choque de Renan, ele sofrerá uma derrota acachapante no plenário do STF. Ainda de acordo com a mesma análise, o grupo de Renan teria apenas 3 votos no Supremo: dos ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. A previsão é que se repita o placar da votação sobre a possibilidade de um réu ocupar cargo na linha sucessória. Dias Toffoli pediu vistas na ocasião, mas já há uma maiorida de 6 votos sobre essa interpretação.

Fonte

Anúncios

2 comentários sobre “Aliados de Renan Calheiros já admitem não há esperanças para o senador corrupto

Deixe uma resposta