Vitória das ruas: abuso de autoridade pode sair de pauta após manifestações

Depois de um domingo coberto de verde e amarelo por conta de manifestações em todo o Brasil, o Palácio do Planalto e líderes partidários do Senado avaliam que o projeto de lei de abuso de autoridade deverá ser desacelerado. A expectativa é que matéria saia da pauta de votação do plenário do Senado amanhã.

O regime de urgência para a apreciação do projeto havia sido anunciado há três semanas pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), principal alvo dos protestos de ontem. Mas, de acordo com líderes da base e interlocutores do Planalto, a tendência é que a pressão pública retire a proposta de lei de abuso de autoridade da lista de prioridades de votação.

Ronaldo Caiado, do DEM, disse que vai apresentar um requerimento de retirada de pauta da matéria. “Não podemos ter uma pauta provocativa nem podemos fazer uma queda de braço com a população”, afirmou.

Fonte

Anúncios

Deixe uma resposta