Marcelo Calero articulou para que não houvesse uma CPI da Lei Rouanet

Em mais uma ação suspeita, o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero, segundo deputados, pressionou contra a instalação da CPI da Lei Rouanet na Câmara dos Deputados, da mesma forma que foi pressionado por Geddel Vieira Lima a levantar o embargo do Iphan à obra do edifício dele, em Salvador.

Aparentemente, Calero não se sentiria à vontade com uma CPI investigando a farra milionária usando a lei de incentivo à cultura. A pressão teria ocorrido durante três ligações do ex-ministro ao deputado Alberto Fraga (DEM-DF), presidente da CPI, tentando impedir sua instalação.

Fonte

Anúncios

Um comentário sobre “Marcelo Calero articulou para que não houvesse uma CPI da Lei Rouanet

Deixe uma resposta