Comissão de Ética poderá investigar Marcelo Calero por mentiras ditas a respeito do presidente e ministros

A Comissão de Ética Pública da Presidência cogita investigar o ex-ministro , Marcelo Calero, a exemplo do que deverá acontecer com Geddel Vieira Lima.

Dentro da comissão, aqueles que defendem a investigação de Calero, segundo se apurou, estudam se cabe alguma medida punitiva porque o ex-ministro gravou sem autorização dois ministros e o próprio presidente.

Ainda sobre o episódio das gravações, mesmo não tendo elas nada de incriminador, sendo apenas conversas corriqueiras, fica a dúvida no ar: quais as motivações para que Calero fizesse todo este escândalo sem ter nada efetivamente para mostrar?

Fonte

Anúncios

Deixe uma resposta