Em vez de defender a Lava Jato, extrema-esquerda prefere atacar o ajuste fiscal

Depois da queda de Dilma a extrema-esquerda voltou a ser oposição, e seria coerente esperar que a mesma passasse a pedir dos políticos que disseram combater a corrupção e agora, com medo, estão tentando enfraquecer a Lava-jato. Na prática porém, nao é isso que vemos acontecer.

Mesmo com tudo que está acontecendo no Congresso nos últimos dias, a extrema-esquerda não tem se dedicado em fazer ataques aos corruptos ou dado apoio à Lava-Jato, aterroriza esses corruptos; preferem se empenhar em atacar a PEC antipedalada.

O motivo por trás disso é bastante simples, a extrema-esquerda não luta contra a corrupção e não tem interesse em ver a Lava-jato prender corruptos porque ela é corrupta, e acha isso justificável; prefere atacar o necessário ajuste fiscal porque tem interesse em voltar o poder e consumir mais e mais dos cofres públicos.

Anúncios

Deixe uma resposta