garotinho-cabral-840x440

Delegado pede separação de Cabral e Garotinho em cadeia“por serem de facções diferentes”

Em entrevista, o delegado da Polícia Federal Paulo Cassiano comentou as providencias tomadas a respeito da transferência do ex-governador Anthony Garotinho (PR-RJ) para o Complexo de Bangu, onde também está preso o ex-governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ).

Os dois ex-governadores já foram aliados, mas se tornaram arqui-inimigos por questões políticas. Mesmo sendo aliados do governo Dilma Rousseff, os inimigos chegaram a dividir palanque ao lado da ex-presidente após troca de ofensas, baixarias e até agressões entre correligionários. Por conta disso, o delegado fez questão de mencionar as providências que adotara para evitar confronto entre os políticos.

“Ele vai continuar o tratamento dele lá”, disse o delegado sobre Garotinho, que trata de problemas cardíacos. “A gente até já pediu para separar ele do Sérgio Cabral por causa de facção. Um é de uma facção, outro é de outra”, declarou o delegado à Rádio CBN.

Não é só na entrevista que os ex-governadores são tratados como criminosos comuns. No presídio, ficarão junto de outros criminosos, com banho frio, uniforme e um rígido código de comportamento. Mais cedo, a Secretária de Segurança Pública divulgou fotos de Sérgio Cabral vestindo o uniforme de presidiário, com a cabeça raspada. O mesmo deve acontecer com Garotinho após receber alta do hospital.

2 comentários sobre “Delegado pede separação de Cabral e Garotinho em cadeia“por serem de facções diferentes”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s