Chantagem de Cunha pode não ter resultado

Por Renzo Brickmann

A defesa de Eduardo Cunha fez uma jogada arriscada ao chamar o ex-presidente Lula e o presidente Michel Temer como testemunhas de defesa no processo da Lava Jato. Cunha tentou sinalizar força, além de chantagear governo e oposição. Pode ser que dê errado para o peemedebista.

Afinal de contas, o que se ganha chamando essa gente para ser testemunha? Sim, além de Temer e Lula, Cunha chamou Nestor Cerveró e o senador cassado Delcídio Amaral. Seja lá o que ele estiver tentando, tem tudo para dar errado.

Pode até ser que Cunha consiga arranhar a imagem do governo Temer, mas não há nada que essas testemunhas possam fazer para que o deputado cassado deixe de pagar por seus crimes. Ainda mais se considerado o fato de que uma das testemunhas já é considerada pelos investigadores como o chefe do esquema criminoso. A única coisa que Cunha vai conseguir talvez seja afundar junto com seus adversários e ex-aliados.

E é claro, reforçar a imagem de canalha atribuída a ele pela opinião pública.

Anúncios

Um comentário sobre “Chantagem de Cunha pode não ter resultado

Deixe uma resposta