doutrinacao

Estudantes denunciam a lavagem cerebral feita pelos milicianos sobre as crianças

Mesmo que as invasões de escolas tenham sido brecadas pela Justiça, a discussão não deve terminar por aí.

Ocorre que outro problema deve ser discutido: o do abuso cometido contra os alunos em salas de aula. É a doutrinação marxista.

No vídeo abaixo, vemos o relato de alunos contrários às invasões explicando como essa doutrinação funciona:

Um comentário sobre “Estudantes denunciam a lavagem cerebral feita pelos milicianos sobre as crianças

  1. O PT é brega, cafona, kitsch, barango. Essa é a questão. Em sua política cultural. Em sua política artítica [aquele papo furado de “ELITE”…) e, sobretudo, na POLÍTICA EDUCATIVA do PT… Eis:

    ==== Escola & EDUCAÇÃO atual ===

    Nas Escolas públicas brasileiras (e até mesmo particulares, onde há professor de ideologia petista contratada) DRUMMOND é careta, “antigo” [ou mesmo OUTRO escritor brasileiro… Drummond está aqui apenas como metáfora].

    O professor leva é HIP-HOP, funk pros alunos e outros clichezaços. Se levar Drummond, os alunos atacam e xingam o professor. E esse aceita: é a educação petista, em 13 longos anos! Além disso, não levaria um texto semelhante ao Drummond, então o “professor” vai enrolando aos pouquinhos, até passar a hora e acabar a aula! Quando não dá uma aula de Petismo [Lavagem Cerebral]. Veja:

    Carlos Drummond de Andrade quis ser homem do seu tempo, nele se envolvendo como um atleta em Atlanta na bandeira brasileira. Escreveu ele: «O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes, a vida presente».

    SEU TEXTO tende ao emotivo, ao ideológico e ao erótico.

    O texto “Mãos dadas” anuncia a utópica e festiva solidariedade humana.

    Como o cinema de Hollywood dos anos 40, seus melhores poemas não esquecem o leitor. Sabem que ele existe, que está lá, na poltrona e sob a luz do abajur, à espera. Seus poemas mais felizes flertam com o leitor, piscam para o leitor, como um ator cônscio (ou em busca) da sua popularidade.”

    Mas hoje não: os alunos produzidos são PAPAGAIOS, como Ana Júlia, de Curitiba, A pirralha de olhos de PEIXE-MORTO…

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s