ONU cala a boca dos advogados de Lula e diz que não examinou admissibilidade

De acordo com a Jovem Pan, a Organização das Nações Unidas emitiu uma nota desmentindo o boato levantando pelos advogados e militantes de Lula, que afirmaram ontem que a entidade havia aceitado sua denúncia contra Sérgio Moro.

A verdade, no caso, é que a ONU apenas formalizou a entrada do pedido, mas retificou o posicionamento original de que o caso não foi analisado e que provavelmente só o será em 2017, talvez até em 2018.

O julgamento completo do caso pode levar cinco anos.

Anúncios

2 comentários sobre “ONU cala a boca dos advogados de Lula e diz que não examinou admissibilidade

Deixe uma resposta