blog-147

A notícia que Freixo esconde há 10 anos: agressão à repórter repercute na Internet

A matéria já está publicada na Folha, conforme abaixo:

“O deputado Marcelo Freixo (PSOL), candidato à Prefeitura do Rio, agrediu há dez anos um fotógrafo durante o enterro de seu irmão. O caso chegou a ser registrado na polícia, mas não gerou uma ação penal.

O fotógrafo Bruno de Lima foi alvo de socos e chutes do candidato do PSOL após registrar de perto o enterro de Renato Freixo, assassinado em Niterói em julho de 2006.

À época, Marcelo Freixo ainda não era deputado. Ele atuava como pesquisador da ONG Justiça Global, mas já era conhecido pela luta dos direitos humanos e pelo trabalho nos presídios. Ele conquistou seu primeiro mandato três meses depois.

‘Nessas situações, sempre fotografo de longe, para não ser invasivo ou desrespeitoso. E foi o que fiz. Mas diferente de tudo que tinha visto até então, quando apontei a câmera para a frente, vi alguém largando o caixão e correndo até mim. Não deu tempo de processar o que estava acontecendo. Só deu tempo de me abaixar, tentando proteger o meu equipamento e receber socos e chutes de alguém, que vim a descobrir que era o próprio Marcelo Freixo’, escreveu Lima em sua página no Facebook.

‘Mesmo tentando proteger o meu equipamento, meu ganha pão, ele conseguiu quebrar o flash. Como pode Marcelo Freixo, o paladino da justiça, o pacifista, me arrebentar na porrada? Já fotografei dezenas de enterros, de traficantes a policiais, e nunca vi um deles vir correndo para me bater’, escreveu Lima.”

4 comentários sobre “A notícia que Freixo esconde há 10 anos: agressão à repórter repercute na Internet

  1. Esse site não é em pro da liberdade, porque vive falando mal de Freixo, e Freixo não é esse monstro que estão falando, o repórter tinha que se colocar no lugar dele, se ele pediu pra não tirar foto, foi um ato desrespeitoso do fotógrafo, não é fácil perder um ente querido, e de forma brutal como foi o irmão do Freixo, nada justifica violência, mas nesse caso o repórter agiu com total falta de respeito, eu também faria o mesmo se fosse alguém da minha família.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s